0

#distrair14: 3 filmes pra ver antes do Oscar!

Oi, gente! Tudo bem com vocês? Eu espero que sim!

O Oscar, a premiação mais badalada do mundo do cinema está prestes a ocorrer. Depois da polêmica #OscarSoWhite na última edição, o processo de votação do Oscar foi alterado para promover mais diversidade entre as produções indicadas e os votantes. A cerimônia ocorrerá no dia 26 de fevereiro.

Já que a intenção da categoria #distrair aqui no blog é de também mostrar a produção de artistas negros, separei três filmes com protagonistas negrxs indicados no Oscar deste ano. Prepare o balde de pipoca e conheça as indicações a seguir!

Estrelas Além do Tempo:

hiddenfigs-hersource.jpg

Mary Jackson (Janelle Monáe), Katheirne Johnson (Taraji P. Henson) e Dorothy Vaughn (Octavia Spencer). Imagem: Reprodução.

O filme resgata a história de cientistas negras da Nasa, que apesar de suas habilidades e contribuições, eram colocadas de lado pela segregação racial. Passado nos anos 60, durante a corrida espacial da Guerra Fria e o Movimento dos Direitos Civis nos Estados Unidos, Katherine Johnson (Taraji P. Henson), Dorothy Vaughn (Octavia Spencer), Mary Jackson (Janelle Monáe) e outras cientistas negras tinham que lutar diariamente contra o racismo e o machismo.

Em janeiro deste ano, a atriz Octavia Spencer  (Histórias Cruzadas) comprou uma sessão inteira do filme para que famílias de baixa renda, sobretudo crianças, pudessem conhecer a história dessas cientistas. No mês em que é celebrado a história afro-americana nos Estados Unidos (Fevereiro), Estrelas Além do Tempo se revelou como um sucesso de bilheteria, à frente até do aclamado musical La La Land. No Brasil o filme estreou dia 2 de fevereiro.

Concorre a: Melhor Filme, Melhor Atriz Coadjuvante (Octavia Spencer), Melhor Roteiro Adaptado. Fonte: Cineclick.

 #distrair5: Por que EMPIRE deve ser sua nova série!

Moonlight – Sob a luz do luar:

moonlight-a24-poster

Imagem: Reprodução.

Acompanhamos a história de Black (Trevante Rhodes) trilha uma jornada de autoconhecimento enquanto tenta escapar do caminho fácil da criminalidade e do mundo das drogas de Miami. Encontrando amor em locais surpreendentes, ele sonha com um futuro maravilhoso. Fonte: Adoro Cinema.

As dificuldades de um jovem negro periférico podem ser encontrada em  outros filmes, como Dope – um deslize perigoso (confira a resenha aqui no blog), entretanto Moonlight vem sendo apontada em críticas como uma obra de arte pioneira nessa temática. Além de tratar das descobertas da sexualidade do personagem principal, o que nem sempre aparece em filmes semelhante, Moonlight se mostra como uma  “obra genialmente bela, tocante e verdadeira”, assim descrita na crítica do Portal It Pop, alcançando o que todos nós sentimos na jornada de autoconhecimento.

Concorre a: Melhor Filme, Melhor Ator Coadjuvante (Mahershala Ali), Melhor Atriz Coadjuvante (Naomie Harris), Melhor Diretor (Barry Jenkins), Melhor Edição, Melhor Fotografia, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Trilha-Sonora. Fonte: Cineclick

#empoderar12: 6 mulheres negras da nossa história: Aqualtune, Dandara, Tereza de Benguela, Luíza Mahin, Carolina Maria de Jesus e Lélia Gonzalez.

Fences – Um Limite Entre Nós:

share

Imagem: Reprodução.

Inspirado na peça teatral de mesmo nome do dramaturgo August Wilson (1983), o longa-metragem conta a história de um promissor jogador de baseball (Denzel Washington), que trabalha como coletor de lixo na década de 1950, em Pittsburgh, e tem um relacionamento complicado com sua esposa (Viola Davis) e filhos.

Concorre a: Melhor Filme, Melhor Ator (Denzel Washington), Melhor Atriz Coadjuvante (Viola Davis), Melhor Roteiro Adaptado. Fonte: Cineclick.

#distrair3: 5 motivos para assistir How To Get Away With Murder

+Oscar:

As coisas ficaram estranhas durante as reações ao monólogo de Chris Rock no Oscar 2016 | Buzzfeed

Por que no Brasil “Hidden Figures” foi traduzido como “Estrelas Além do Tempo”? | Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades

Quais outros filmes você indica para assistir antes da premiação? Deixe sua opinião nos comentários! Gostou das indicações do post? Então, compartilhe com sua turma. Dá até para fazer maratona juntxs!

FACEBOOK| INSTAGRAM | INSTAGRAM

TWITTER | PINTEREST | YOUTUBE

Acompanhe o Maia Vox pelas redes sociais e não perca nenhuma novidade por aqui! Até mais! 😉

mari-gomes-2017

0

Maia Vox TV: Os livros que li em 2016!

Oi, gente! Tudo bem com vocês? Eu espero que sim!

capa_livros_maia_vox_2016

Como prometido no post anterior, o canal (inscreva-se aqui) está atualizado! No vídeo de hoje compartilhei com vocês quatro livros que conheci no último ano: três deles que terminei e outro que comecei bem na virada para 2017. Amor? Por todos eles! Aperte o play e conheça logo os indicados!

Referências:

  • Negra, Nua e Crua: Mel Duarte, 2016, editora Ijumaa.
  • Tá Todo Mundo Mal: Jout Jout, 2016, editora Companhia das Letras.
  • Terra Sonâmbula: Mia Couto, 2015, editora Companhia de Bolso.
  • Peles Negras, Máscaras Brancas: Frantz Fanon, 2008, Edufba.

E aí, qual dessas indicações você mais curtiu? E quais você indica? Conta pra mim nos comentários! Vou adorar saber! Ah, diz também o que achou do formato do vídeo.

FACEBOOK| INSTAGRAM | INSTAGRAM

TWITTER | PINTEREST | YOUTUBE

Se você gostou, não deixe de se inscrever no canal e compartilhar com todo mundo, principalmente seus amigos devoradores de livros. Não vai deixar logo eles de fora, né? kkkk Um beijo e até mais! 😉

mari-gomes-2017

1

Primeiro post do ano #2017!

Oi, gente! Tudo bem com vocês? Eu espero que sim!

Antes de qualquer coisa: FELIZ 2017 (ainda tá valendo, né?)! Dei uma sumida nas últimas semanas do ano passado, mas aproveitei para estudar e passar um tempo com minha família e amigxs. Torço para que vocês tenham aproveitado também os feriados. 😉

giphy

Oiii!

Também queria agradecer e dividir com vocês a alegria que foi ver o vídeo “O que é ser negrx?” alcançar tantas pessoas na fan page (curta a nossa página).  Apesar das políticas de divulgação de conteúdo, que focam muito em anúncios pagos (algo que eu ainda não posso fazer #quebrada), o blog alcançou mais pessoas que nunca! Foi bom saber que isso veio logo em uma discussão tão polêmica, extensa e necessária quanto negritude. Gratidão.

capa-o-que-e-ser-negro

O vídeo contou com a participação de pessoas super maravilhosas: Nátaly Neri, Rafael Mike, Tássia Reis, Mc Soffia, Luma Nascimento e Celline Egidio. Confira aqui!

E por falar em vídeos, eu até tinha editado um vídeo para o final do ano, mas infelizmente não pude subir. Agora vou reeditá-lo e nesta quarta-feira (25) vocês poderão conferir uma lista de indicação de livros com as leituras que fiz no ano passado. Espero que gostem, pois é algo que não faço há muuuito tempo por aqui.

inscreva-se maia vox

Clique aqui e conheça o canal do Youtube do Maia Vox!

No mais, o blog continuará existindo, sem dúvidas!!! Vou tentar cumprir algumas das vontades que já tinha compartilhado com vocês para o futuro do blog, ao exemplo do tão sonhado domínio próprio. Além disso, vou me esforçar para cumprir a frequência nas postagens. Partirei para uma coisa mais realista: 1 post por semana, com 1 vídeo a cada mês, ok?

Se você é novatx por aqui, seja mais que bem-vindx! O espaço é pra conversar, trocar ideias e se fortalecer. Para aumentar nosso contato, você também pode acompanhar o blog pelas redes sociais e ah, não deixe de chamar seu squad pra participar também! Abraços e até quarta!

FACEBOOK| INSTAGRAM | INSTAGRAM

TWITTER | PINTEREST | YOUTUBE

mari-gomes-2017

1

#empoderar14: O que é ser negrx?

Oi, tudo bem com você? Eu espero que sim!😉

capa-o-que-e-ser-negro

O que é ser negro? Essa é uma pergunta que tem me tirado o sono há algum tempo. Pelo pouquinho que aprendi até agora a negritude passou por diversas ressignificações na história do mundo e do Brasil.  Pensando nisso eu aproveitei o Encontros e Africanidades para perguntar a algumas pessoas o que é ser negra pra elas. Espero que gostem do vídeo e dos convidados!

E para você, o que é ser negrx? Não deixe de comentar! Se gostou do especial do novembro sobre negritude aqui no blog compartilhe pelas redes sociais com a sua galera! Precisamos debater esse assunto!  

FACEBOOK| INSTAGRAM | INSTAGRAM

TWITTER | PINTEREST | YOUTUBE

E para não perder as novidades que vem por aí acompanhe o blog pelas redes sociais! Um abraço, feliz 20 de novembro e até mais!😉

quem sou mari gomes autor

0

Maia Vox TV: Encontros e africanidades!

Oi, tudo bem com você? Eu espero que sim! 😉

Como prometido, saiu o vídeo sobre o Encontro e Africanidades, evento organizado pelo Desabafo Social em parceria com a relações públicas Ítala Herta para apoiar os projetos futuros do grupo baiano. Para ver de perto o que aconteceu por lá, é só dá o play! 😉

Para saber mais ainda sobre o evento, leia este post: Encontros e Africanidades!

E aí, curtiu? Vem muito mais novidade nesse mês de novembro. Com alguns registros que também fiz no Encontros e Africanidades teremos um vídeo especial falando sobre negritude. Tá ficando lindo! Então, para não perder, acompanhe o blog pelas redes sociais e compartilhe com xs amigxs. Um abraço e até mais! 😉

FACEBOOK| INSTAGRAM | INSTAGRAM

TWITTER | PINTEREST | YOUTUBE

quem sou mari gomes autor

6

Beleza e empoderamento: Projeto Negras do Brasil em Aracaju!

Oi, tudo bem com você? Eu espero que sim! 😉

Na noite de ontem (11) aconteceu a palestra de maquiagem para pele negra do Projeto Negras do Brasil. A iniciativa foi pensada pela maquiadora Daniele Da Mata, que prefere ser chamada de DaMata, e tem a parceira com a estilista Loo Nascimento, da Dresscoração. Foi empoderador, lindo e emocionante!

danidamata_negrasdobrasil_aracaju_1

DaMata maquiando uma das alunas.

A DaMata começou a carreira de maquiadora há seis anos e nesse tempo criou a escola de maquiagem DaMataMakeup no Rio de Janeiro. Para alcançar mais pessoas, sobretudo mulheres negras, ela transformou a escola em itinerante. Em 2014, DaMata começou a desenvolver o Projeto Negras do Brasil para percorrer todo o país ensinando mulheres negras não só a se maquiarem, mas também a se amarem. Neste ano ela chegou finalmente aqui no nordeste e Aracaju foi a penúltima cidade desta edição. Continuar lendo

2

Série Desenrolando #2: CUIDADOS BÁSICOS DE UMA CRESPA

Oi, tudo bem com você? Eu espero que sim! 😉

Depois do sucesso do debate sobre empoderamento e estética, a série (Des)Enrolando continua hoje com um guia para um cabelo crespo lindo e saudável sem altos custos. Compartilhei minha dicas dos três processos mais importantes nos cuidados capilares: hidratação, finalização e corte. De quebra, ainda ensinei o passo a passo de como corto meu cabelo em casa – mais econômica impossível!

Vamos logo para a conversa de hoje! Inscreva-se no canal aqui e não perca nenhuma novidade!

E aí, curtiu? Quais sãos os seus truques para um cabelo lindo e saudável! Conte nos comentários e não deixe de compartilhar esses vídeo com xs amigxs, especialmente com quem passa ou já passou pela transição capilar.

FACEBOOK| INSTAGRAM | INSTAGRAM

TWITTER | PINTEREST | YOUTUBE

Ah, tem mais vídeo vindo por aí! Fique de olho nas redes sociais do  blog! Um abraço e até mais! 😉